Estrabismo em Crianças | Oftalmologista Infantil em Contagem

Estrabismo em Crianças | Oftalmologista Infantil em Contagem

Estrabismo em Crianças | Oftalmologista Infantil em Contagem

Estrabismo em Crianças | Oftalmologista Infantil em Contagem
Estrabismo em Crianças | Oftalmologista Infantil em Contagem

Conteúdo

O estrabismo, mais conhecido como "desvio ocular", é uma condição comum que afeta cerca de 4% das crianças em todo o mundo. Ele se caracteriza pelo desalinhamento dos olhos, o que pode levar a diversos problemas de visão, como ambliopia (diminuição da visão em um dos olhos) e diplopia (visão dupla).

Embora o estrabismo possa ser assustador para os pais, é importante destacar que essa condição é tratável. Com o diagnóstico precoce e o tratamento adequado, a maioria das crianças pode recuperar a visão normal e ter uma vida saudável.

Este artigo tem como objetivo fornecer aos pais e responsáveis informações precisas e atualizadas sobre o estrabismo em crianças, incluindo seus sintomas, causas, diagnóstico, tratamento, prevenção e muito mais.


Quais são os sintomas do estrabismo?

O principal sintoma do estrabismo é o desalinhamento dos olhos. No entanto, existem outros sinais que podem indicar a presença da condição, como:


  • Inclinação da cabeça

  • Apertar os olhos

  • Piscar excessivamente

  • Dificuldade em focar objetos

  • Perda de percepção de profundidade

  • Queixas de visão dupla


Quais são as causas do estrabismo em crianças?

O estrabismo pode ser causado por diversos fatores, como:


  • Desequilíbrio muscular ocular: Os músculos que controlam os movimentos dos olhos podem ser fracos ou desajustados, o que pode causar o desalinhamento dos olhos.

  • Erros refrativos: Miopia, hiperopia e astigmatismo podem causar o desalinhamento dos olhos, pois o olho tenta compensar o erro refrativo.

  • Doenças oculares: Doenças como catarata, glaucoma e retinoblastoma podem causar o desalinhamento dos olhos.

  • Fatores genéticos: O estrabismo pode ter um componente genético, o que significa que se um dos pais ou irmãos tem estrabismo, a criança tem um maior risco de desenvolver a condição.

  • Prematuridade: Bebês prematuros têm um maior risco de desenvolver estrabismo.

  • Baixo peso ao nascer: Bebês com baixo peso ao nascer também têm um maior risco de desenvolver estrabismo.


Diagnóstico do estrabismo em crianças

O diagnóstico do estrabismo é realizado por um oftalmologista infantil, que irá realizar um exame completo dos olhos da criança. O exame pode incluir:


  • Teste de acuidade visual: Este teste mede a capacidade da criança de enxergar.

  • Teste de cobertura: O oftalmologista pediátrico cobrirá um dos olhos da criança e pedirá para ela olhar para um objeto. Este teste pode ajudar a identificar se a criança tem ambliopia.

  • Teste de motilidade ocular: Este teste avalia os movimentos dos olhos da criança.

  • Exame de fundo de olho: Este exame permite que o oftalmologista infantil examine a retina da criança.


Quais são os tratamentos para estrabismo em crianças?

O tratamento do estrabismo depende da causa e da gravidade da condição. As opções de tratamento podem incluir:


  • Óculos corretivos: Os óculos podem ser prescritos para corrigir erros refrativos e melhorar a visão da criança.

  • Oclusoterapia (tampão ocular): O tampão ocular é usado para cobrir o olho saudável da criança, o que força o olho desviado a trabalhar e melhorar a visão.

  • Cirurgia muscular ocular: A cirurgia pode ser necessária para corrigir o desequilíbrio muscular ocular e alinhar os olhos da criança.


É possível prevenir o estrabismo?

Embora não seja possível prevenir completamente o estrabismo, existem algumas medidas que podem ser tomadas para reduzir o risco da condição, como:


  • Realizar consultas oftalmológicas regulares em crianças: É importante levar a criança ao oftalmo infantil para exames regulares, mesmo que ela não apresente nenhum sintoma de estrabismo.

  • Detectar e tratar precocemente problemas oculares: Se a criança tiver algum problema ocular, como miopia, hiperopia ou astigmatismo, é importante que ele seja tratado precocemente para reduzir o risco de desenvolver estrabismo.

  • Estimular o desenvolvimento visual da criança: É fundamental estimular o desenvolvimento visual da criança desde cedo, proporcionando a ela atividades que estimulem a visão, como brincar com objetos coloridos e ler livros.


Impacto do estrabismo na vida da criança

O estrabismo pode ter um impacto significativo na vida da criança. Além dos problemas de visão, a criança com estrabismo pode sofrer de:


  • Baixa autoestima: A criança com estrabismo pode se sentir envergonhada de sua aparência e evitar contato social.

  • Dificuldades de aprendizado: O estrabismo pode dificultar o aprendizado da criança, pois ela pode ter problemas para ler e escrever.

  • Problemas de desenvolvimento social: A criança com estrabismo pode ter problemas para fazer amigos e se integrar com outras crianças.


Como ajudar a criança com Estrabismo?

Os pais e responsáveis podem ajudar a criança com estrabismo de diversas maneiras, como:


  • Procurar ajuda profissional: É importante levar a criança ao oftalmologista pediátrico para que ela receba o tratamento adequado.

  • Oferecer apoio emocional: A criança com estrabismo precisa de apoio emocional para lidar com os problemas de autoestima e as dificuldades sociais que podem surgir.

  • Incentivar a participação em atividades sociais: É essencial incentivar a criança a participar de atividades sociais para que ela possa fazer amigos e se integrar com outras crianças.

  • Explicar a condição para a criança: Procure explicar a condição para a criança de forma clara e simples, para que ela possa entender o que está acontecendo.

  • Ser paciente e compreensivo: Seja paciente e compreensivo com a criança, pois ela pode precisar de tempo para se adaptar à condição.


Onde encontrar um oftalmologista pediátrico em Contagem para tratamento do estrabismo em crianças?

O Instituto Saúde é conhecido como a melhor opção em cuidados de saúde privada em Minas Gerais, destacando-se pelos seus elevados padrões de atendimento e pela excelência dos seus profissionais. Ao escolher um oftalmo infantil associado ao Instituto Saúde, você pode contar com a tranquilidade de saber que o seu filho está sendo cuidado por uma instituição renomada, que se dedica de coração ao bem-estar dos pacientes.

O estrabismo, mais conhecido como "desvio ocular", é uma condição comum que afeta cerca de 4% das crianças em todo o mundo. Ele se caracteriza pelo desalinhamento dos olhos, o que pode levar a diversos problemas de visão, como ambliopia (diminuição da visão em um dos olhos) e diplopia (visão dupla).

Embora o estrabismo possa ser assustador para os pais, é importante destacar que essa condição é tratável. Com o diagnóstico precoce e o tratamento adequado, a maioria das crianças pode recuperar a visão normal e ter uma vida saudável.

Este artigo tem como objetivo fornecer aos pais e responsáveis informações precisas e atualizadas sobre o estrabismo em crianças, incluindo seus sintomas, causas, diagnóstico, tratamento, prevenção e muito mais.


Quais são os sintomas do estrabismo?

O principal sintoma do estrabismo é o desalinhamento dos olhos. No entanto, existem outros sinais que podem indicar a presença da condição, como:


  • Inclinação da cabeça

  • Apertar os olhos

  • Piscar excessivamente

  • Dificuldade em focar objetos

  • Perda de percepção de profundidade

  • Queixas de visão dupla


Quais são as causas do estrabismo em crianças?

O estrabismo pode ser causado por diversos fatores, como:


  • Desequilíbrio muscular ocular: Os músculos que controlam os movimentos dos olhos podem ser fracos ou desajustados, o que pode causar o desalinhamento dos olhos.

  • Erros refrativos: Miopia, hiperopia e astigmatismo podem causar o desalinhamento dos olhos, pois o olho tenta compensar o erro refrativo.

  • Doenças oculares: Doenças como catarata, glaucoma e retinoblastoma podem causar o desalinhamento dos olhos.

  • Fatores genéticos: O estrabismo pode ter um componente genético, o que significa que se um dos pais ou irmãos tem estrabismo, a criança tem um maior risco de desenvolver a condição.

  • Prematuridade: Bebês prematuros têm um maior risco de desenvolver estrabismo.

  • Baixo peso ao nascer: Bebês com baixo peso ao nascer também têm um maior risco de desenvolver estrabismo.


Diagnóstico do estrabismo em crianças

O diagnóstico do estrabismo é realizado por um oftalmologista infantil, que irá realizar um exame completo dos olhos da criança. O exame pode incluir:


  • Teste de acuidade visual: Este teste mede a capacidade da criança de enxergar.

  • Teste de cobertura: O oftalmologista pediátrico cobrirá um dos olhos da criança e pedirá para ela olhar para um objeto. Este teste pode ajudar a identificar se a criança tem ambliopia.

  • Teste de motilidade ocular: Este teste avalia os movimentos dos olhos da criança.

  • Exame de fundo de olho: Este exame permite que o oftalmologista infantil examine a retina da criança.


Quais são os tratamentos para estrabismo em crianças?

O tratamento do estrabismo depende da causa e da gravidade da condição. As opções de tratamento podem incluir:


  • Óculos corretivos: Os óculos podem ser prescritos para corrigir erros refrativos e melhorar a visão da criança.

  • Oclusoterapia (tampão ocular): O tampão ocular é usado para cobrir o olho saudável da criança, o que força o olho desviado a trabalhar e melhorar a visão.

  • Cirurgia muscular ocular: A cirurgia pode ser necessária para corrigir o desequilíbrio muscular ocular e alinhar os olhos da criança.


É possível prevenir o estrabismo?

Embora não seja possível prevenir completamente o estrabismo, existem algumas medidas que podem ser tomadas para reduzir o risco da condição, como:


  • Realizar consultas oftalmológicas regulares em crianças: É importante levar a criança ao oftalmo infantil para exames regulares, mesmo que ela não apresente nenhum sintoma de estrabismo.

  • Detectar e tratar precocemente problemas oculares: Se a criança tiver algum problema ocular, como miopia, hiperopia ou astigmatismo, é importante que ele seja tratado precocemente para reduzir o risco de desenvolver estrabismo.

  • Estimular o desenvolvimento visual da criança: É fundamental estimular o desenvolvimento visual da criança desde cedo, proporcionando a ela atividades que estimulem a visão, como brincar com objetos coloridos e ler livros.


Impacto do estrabismo na vida da criança

O estrabismo pode ter um impacto significativo na vida da criança. Além dos problemas de visão, a criança com estrabismo pode sofrer de:


  • Baixa autoestima: A criança com estrabismo pode se sentir envergonhada de sua aparência e evitar contato social.

  • Dificuldades de aprendizado: O estrabismo pode dificultar o aprendizado da criança, pois ela pode ter problemas para ler e escrever.

  • Problemas de desenvolvimento social: A criança com estrabismo pode ter problemas para fazer amigos e se integrar com outras crianças.


Como ajudar a criança com Estrabismo?

Os pais e responsáveis podem ajudar a criança com estrabismo de diversas maneiras, como:


  • Procurar ajuda profissional: É importante levar a criança ao oftalmologista pediátrico para que ela receba o tratamento adequado.

  • Oferecer apoio emocional: A criança com estrabismo precisa de apoio emocional para lidar com os problemas de autoestima e as dificuldades sociais que podem surgir.

  • Incentivar a participação em atividades sociais: É essencial incentivar a criança a participar de atividades sociais para que ela possa fazer amigos e se integrar com outras crianças.

  • Explicar a condição para a criança: Procure explicar a condição para a criança de forma clara e simples, para que ela possa entender o que está acontecendo.

  • Ser paciente e compreensivo: Seja paciente e compreensivo com a criança, pois ela pode precisar de tempo para se adaptar à condição.


Onde encontrar um oftalmologista pediátrico em Contagem para tratamento do estrabismo em crianças?

O Instituto Saúde é conhecido como a melhor opção em cuidados de saúde privada em Minas Gerais, destacando-se pelos seus elevados padrões de atendimento e pela excelência dos seus profissionais. Ao escolher um oftalmo infantil associado ao Instituto Saúde, você pode contar com a tranquilidade de saber que o seu filho está sendo cuidado por uma instituição renomada, que se dedica de coração ao bem-estar dos pacientes.

O estrabismo, mais conhecido como "desvio ocular", é uma condição comum que afeta cerca de 4% das crianças em todo o mundo. Ele se caracteriza pelo desalinhamento dos olhos, o que pode levar a diversos problemas de visão, como ambliopia (diminuição da visão em um dos olhos) e diplopia (visão dupla).

Embora o estrabismo possa ser assustador para os pais, é importante destacar que essa condição é tratável. Com o diagnóstico precoce e o tratamento adequado, a maioria das crianças pode recuperar a visão normal e ter uma vida saudável.

Este artigo tem como objetivo fornecer aos pais e responsáveis informações precisas e atualizadas sobre o estrabismo em crianças, incluindo seus sintomas, causas, diagnóstico, tratamento, prevenção e muito mais.


Quais são os sintomas do estrabismo?

O principal sintoma do estrabismo é o desalinhamento dos olhos. No entanto, existem outros sinais que podem indicar a presença da condição, como:


  • Inclinação da cabeça

  • Apertar os olhos

  • Piscar excessivamente

  • Dificuldade em focar objetos

  • Perda de percepção de profundidade

  • Queixas de visão dupla


Quais são as causas do estrabismo em crianças?

O estrabismo pode ser causado por diversos fatores, como:


  • Desequilíbrio muscular ocular: Os músculos que controlam os movimentos dos olhos podem ser fracos ou desajustados, o que pode causar o desalinhamento dos olhos.

  • Erros refrativos: Miopia, hiperopia e astigmatismo podem causar o desalinhamento dos olhos, pois o olho tenta compensar o erro refrativo.

  • Doenças oculares: Doenças como catarata, glaucoma e retinoblastoma podem causar o desalinhamento dos olhos.

  • Fatores genéticos: O estrabismo pode ter um componente genético, o que significa que se um dos pais ou irmãos tem estrabismo, a criança tem um maior risco de desenvolver a condição.

  • Prematuridade: Bebês prematuros têm um maior risco de desenvolver estrabismo.

  • Baixo peso ao nascer: Bebês com baixo peso ao nascer também têm um maior risco de desenvolver estrabismo.


Diagnóstico do estrabismo em crianças

O diagnóstico do estrabismo é realizado por um oftalmologista infantil, que irá realizar um exame completo dos olhos da criança. O exame pode incluir:


  • Teste de acuidade visual: Este teste mede a capacidade da criança de enxergar.

  • Teste de cobertura: O oftalmologista pediátrico cobrirá um dos olhos da criança e pedirá para ela olhar para um objeto. Este teste pode ajudar a identificar se a criança tem ambliopia.

  • Teste de motilidade ocular: Este teste avalia os movimentos dos olhos da criança.

  • Exame de fundo de olho: Este exame permite que o oftalmologista infantil examine a retina da criança.


Quais são os tratamentos para estrabismo em crianças?

O tratamento do estrabismo depende da causa e da gravidade da condição. As opções de tratamento podem incluir:


  • Óculos corretivos: Os óculos podem ser prescritos para corrigir erros refrativos e melhorar a visão da criança.

  • Oclusoterapia (tampão ocular): O tampão ocular é usado para cobrir o olho saudável da criança, o que força o olho desviado a trabalhar e melhorar a visão.

  • Cirurgia muscular ocular: A cirurgia pode ser necessária para corrigir o desequilíbrio muscular ocular e alinhar os olhos da criança.


É possível prevenir o estrabismo?

Embora não seja possível prevenir completamente o estrabismo, existem algumas medidas que podem ser tomadas para reduzir o risco da condição, como:


  • Realizar consultas oftalmológicas regulares em crianças: É importante levar a criança ao oftalmo infantil para exames regulares, mesmo que ela não apresente nenhum sintoma de estrabismo.

  • Detectar e tratar precocemente problemas oculares: Se a criança tiver algum problema ocular, como miopia, hiperopia ou astigmatismo, é importante que ele seja tratado precocemente para reduzir o risco de desenvolver estrabismo.

  • Estimular o desenvolvimento visual da criança: É fundamental estimular o desenvolvimento visual da criança desde cedo, proporcionando a ela atividades que estimulem a visão, como brincar com objetos coloridos e ler livros.


Impacto do estrabismo na vida da criança

O estrabismo pode ter um impacto significativo na vida da criança. Além dos problemas de visão, a criança com estrabismo pode sofrer de:


  • Baixa autoestima: A criança com estrabismo pode se sentir envergonhada de sua aparência e evitar contato social.

  • Dificuldades de aprendizado: O estrabismo pode dificultar o aprendizado da criança, pois ela pode ter problemas para ler e escrever.

  • Problemas de desenvolvimento social: A criança com estrabismo pode ter problemas para fazer amigos e se integrar com outras crianças.


Como ajudar a criança com Estrabismo?

Os pais e responsáveis podem ajudar a criança com estrabismo de diversas maneiras, como:


  • Procurar ajuda profissional: É importante levar a criança ao oftalmologista pediátrico para que ela receba o tratamento adequado.

  • Oferecer apoio emocional: A criança com estrabismo precisa de apoio emocional para lidar com os problemas de autoestima e as dificuldades sociais que podem surgir.

  • Incentivar a participação em atividades sociais: É essencial incentivar a criança a participar de atividades sociais para que ela possa fazer amigos e se integrar com outras crianças.

  • Explicar a condição para a criança: Procure explicar a condição para a criança de forma clara e simples, para que ela possa entender o que está acontecendo.

  • Ser paciente e compreensivo: Seja paciente e compreensivo com a criança, pois ela pode precisar de tempo para se adaptar à condição.


Onde encontrar um oftalmologista pediátrico em Contagem para tratamento do estrabismo em crianças?

O Instituto Saúde é conhecido como a melhor opção em cuidados de saúde privada em Minas Gerais, destacando-se pelos seus elevados padrões de atendimento e pela excelência dos seus profissionais. Ao escolher um oftalmo infantil associado ao Instituto Saúde, você pode contar com a tranquilidade de saber que o seu filho está sendo cuidado por uma instituição renomada, que se dedica de coração ao bem-estar dos pacientes.

O estrabismo, mais conhecido como "desvio ocular", é uma condição comum que afeta cerca de 4% das crianças em todo o mundo. Ele se caracteriza pelo desalinhamento dos olhos, o que pode levar a diversos problemas de visão, como ambliopia (diminuição da visão em um dos olhos) e diplopia (visão dupla).

Embora o estrabismo possa ser assustador para os pais, é importante destacar que essa condição é tratável. Com o diagnóstico precoce e o tratamento adequado, a maioria das crianças pode recuperar a visão normal e ter uma vida saudável.

Este artigo tem como objetivo fornecer aos pais e responsáveis informações precisas e atualizadas sobre o estrabismo em crianças, incluindo seus sintomas, causas, diagnóstico, tratamento, prevenção e muito mais.


Quais são os sintomas do estrabismo?

O principal sintoma do estrabismo é o desalinhamento dos olhos. No entanto, existem outros sinais que podem indicar a presença da condição, como:


  • Inclinação da cabeça

  • Apertar os olhos

  • Piscar excessivamente

  • Dificuldade em focar objetos

  • Perda de percepção de profundidade

  • Queixas de visão dupla


Quais são as causas do estrabismo em crianças?

O estrabismo pode ser causado por diversos fatores, como:


  • Desequilíbrio muscular ocular: Os músculos que controlam os movimentos dos olhos podem ser fracos ou desajustados, o que pode causar o desalinhamento dos olhos.

  • Erros refrativos: Miopia, hiperopia e astigmatismo podem causar o desalinhamento dos olhos, pois o olho tenta compensar o erro refrativo.

  • Doenças oculares: Doenças como catarata, glaucoma e retinoblastoma podem causar o desalinhamento dos olhos.

  • Fatores genéticos: O estrabismo pode ter um componente genético, o que significa que se um dos pais ou irmãos tem estrabismo, a criança tem um maior risco de desenvolver a condição.

  • Prematuridade: Bebês prematuros têm um maior risco de desenvolver estrabismo.

  • Baixo peso ao nascer: Bebês com baixo peso ao nascer também têm um maior risco de desenvolver estrabismo.


Diagnóstico do estrabismo em crianças

O diagnóstico do estrabismo é realizado por um oftalmologista infantil, que irá realizar um exame completo dos olhos da criança. O exame pode incluir:


  • Teste de acuidade visual: Este teste mede a capacidade da criança de enxergar.

  • Teste de cobertura: O oftalmologista pediátrico cobrirá um dos olhos da criança e pedirá para ela olhar para um objeto. Este teste pode ajudar a identificar se a criança tem ambliopia.

  • Teste de motilidade ocular: Este teste avalia os movimentos dos olhos da criança.

  • Exame de fundo de olho: Este exame permite que o oftalmologista infantil examine a retina da criança.


Quais são os tratamentos para estrabismo em crianças?

O tratamento do estrabismo depende da causa e da gravidade da condição. As opções de tratamento podem incluir:


  • Óculos corretivos: Os óculos podem ser prescritos para corrigir erros refrativos e melhorar a visão da criança.

  • Oclusoterapia (tampão ocular): O tampão ocular é usado para cobrir o olho saudável da criança, o que força o olho desviado a trabalhar e melhorar a visão.

  • Cirurgia muscular ocular: A cirurgia pode ser necessária para corrigir o desequilíbrio muscular ocular e alinhar os olhos da criança.


É possível prevenir o estrabismo?

Embora não seja possível prevenir completamente o estrabismo, existem algumas medidas que podem ser tomadas para reduzir o risco da condição, como:


  • Realizar consultas oftalmológicas regulares em crianças: É importante levar a criança ao oftalmo infantil para exames regulares, mesmo que ela não apresente nenhum sintoma de estrabismo.

  • Detectar e tratar precocemente problemas oculares: Se a criança tiver algum problema ocular, como miopia, hiperopia ou astigmatismo, é importante que ele seja tratado precocemente para reduzir o risco de desenvolver estrabismo.

  • Estimular o desenvolvimento visual da criança: É fundamental estimular o desenvolvimento visual da criança desde cedo, proporcionando a ela atividades que estimulem a visão, como brincar com objetos coloridos e ler livros.


Impacto do estrabismo na vida da criança

O estrabismo pode ter um impacto significativo na vida da criança. Além dos problemas de visão, a criança com estrabismo pode sofrer de:


  • Baixa autoestima: A criança com estrabismo pode se sentir envergonhada de sua aparência e evitar contato social.

  • Dificuldades de aprendizado: O estrabismo pode dificultar o aprendizado da criança, pois ela pode ter problemas para ler e escrever.

  • Problemas de desenvolvimento social: A criança com estrabismo pode ter problemas para fazer amigos e se integrar com outras crianças.


Como ajudar a criança com Estrabismo?

Os pais e responsáveis podem ajudar a criança com estrabismo de diversas maneiras, como:


  • Procurar ajuda profissional: É importante levar a criança ao oftalmologista pediátrico para que ela receba o tratamento adequado.

  • Oferecer apoio emocional: A criança com estrabismo precisa de apoio emocional para lidar com os problemas de autoestima e as dificuldades sociais que podem surgir.

  • Incentivar a participação em atividades sociais: É essencial incentivar a criança a participar de atividades sociais para que ela possa fazer amigos e se integrar com outras crianças.

  • Explicar a condição para a criança: Procure explicar a condição para a criança de forma clara e simples, para que ela possa entender o que está acontecendo.

  • Ser paciente e compreensivo: Seja paciente e compreensivo com a criança, pois ela pode precisar de tempo para se adaptar à condição.


Onde encontrar um oftalmologista pediátrico em Contagem para tratamento do estrabismo em crianças?

O Instituto Saúde é conhecido como a melhor opção em cuidados de saúde privada em Minas Gerais, destacando-se pelos seus elevados padrões de atendimento e pela excelência dos seus profissionais. Ao escolher um oftalmo infantil associado ao Instituto Saúde, você pode contar com a tranquilidade de saber que o seu filho está sendo cuidado por uma instituição renomada, que se dedica de coração ao bem-estar dos pacientes.

Por:

Equipe.

Temos uma unidade perto de você

Temos uma unidade perto de você

Unidades

Selecione a cidade

Contagem

Endereço

R. Treze de Junho, 70 - Sala 609/610 - Tres Barras, Contagem - MG, 32040-130, Brasil

Selecione a cidade

Contagem

Endereço

R. Treze de Junho, 70 - Sala 609/610 - Tres Barras, Contagem - MG, 32040-130, Brasil

Selecione a cidade

Contagem

Endereço

R. Treze de Junho, 70 - Sala 609/610 - Tres Barras, Contagem - MG, 32040-130, Brasil

Selecione a cidade

Contagem

Endereço

R. Treze de Junho, 70 - Sala 609/610 - Tres Barras, Contagem - MG, 32040-130, Brasil

Postagens recentes

Mantenha-se atualizado

Espirometria em Coração Eucarístico, Belo Horizonte: Agendar Exame

Espirometria

Espirometria em Coração Eucarístico, Belo Horizonte: Agendar Exame

Agende sua Espirometria em Coração Eucarístico, Belo Horizonte.

Espirometria em Coração Eucarístico, Belo Horizonte: Agendar Exame

Espirometria

Espirometria em Coração Eucarístico, Belo Horizonte: Agendar Exame

Agende sua Espirometria em Coração Eucarístico, Belo Horizonte.

Espirometria em Barreiro, Belo Horizonte: Agendar Exame

Espirometria

Espirometria em Barreiro, Belo Horizonte: Agendar Exame

Agende sua Espirometria em Barreiro, Belo Horizonte.

Espirometria em Barreiro, Belo Horizonte: Agendar Exame

Espirometria

Espirometria em Barreiro, Belo Horizonte: Agendar Exame

Agende sua Espirometria em Barreiro, Belo Horizonte.

Espirometria em Venda Nova, Belo Horizonte: Agendar Exame

Espirometria

Espirometria em Venda Nova, Belo Horizonte: Agendar Exame

Agende sua Espirometria em Venda Nova, Belo Horizonte.

Espirometria em Venda Nova, Belo Horizonte: Agendar Exame

Espirometria

Espirometria em Venda Nova, Belo Horizonte: Agendar Exame

Agende sua Espirometria em Venda Nova, Belo Horizonte.